8118.5134

Clareamento Dental

Antes e depois

Foto antes e depois

Dúvidas (clique nos ítens para visualizar)

01) Quais as técnicas de clareamento dental?

- CLAREAMENTO CASEIRO - baseia-se na utilização de moldeiras personalizadas confeccionadas pelo dentista com o propósito de receber o gel clareador e mantê-lo em contato direto com o dente por um período média de 1 a 2 horas diárias. Normalmente é feito à noite enquanto dormimos. Os resultados finais são tão satisfatórios quanto os resultados do tratamento realizado no consultório. Apenas deve ser realizado por um período um pouco mais longo (3 a 4 semanas).
- CLAREAMENTO EM CONSULTÓRIO - Aplica-se um gel clareador sobre a estrutura dentária em cosultório. Esse agente clareador é mais forte do que o agente utilizado em casa. Após o produto aplicado é ativado por um laser de baixa intesidade, o qual é responsável por acelerar o processo clareador e diminuir a sensibilidade dentária. A sessão em consultório dura, em média, uma hora e normalmente, para finalização do tratamento, são necessárias 2 sessões por arcada.
Em alguns casos as duas técnicas são associadas.

02) Meus dentes podem ser clareados?

Sim. A grande maioria dos pacientes estão aptos para o tratamento clareador e obterão sucesso. O importante é que seja feito um bom diagnóstico do motivo do escurecimento dental, para que seja determinada a técnica e o agente clareador indicado.

03) Como funciona o clareamento dental?

Os agentes clareadores dissociam-se e penetram na intimidade do esmalte e da dentina, liberando oxigênio que, por sua vez, "quebra" as moléculas dos pigmentos causadores das manchas.

04) Posso fazer sozinho ou preciso ir ao dentista?

Não se recomenda clarear os dentes sem orientação profissional. Seja no consultório seja em casa, sempre deve haver monitoramento do dentista.

05) Os produtos usados no clareamento são seguros à saúde geral?

Sim. Como outros produtos e medicamentos usados na Medicina e Odontologia, se usados corretamente conforme orientação, os produtos usados no clareamento não promovem nenhum prejuízo à saúde geral. A FDA (Food and Drug Administration) e a ADA (American Dental Association) aprovam o uso de peróxidos em cremes dentais, que são usados indiscriminadamente pela população. Essas entidades também não desaprovam o uso de clareadores dentais, desde que supervisionado por dentistas.

06) Eles provocam danos à gengiva

Não, desde que o paciente faça tratamento supervisionado e não use produtos vendidos pela TV ou em supermercados. O dentista confecciona uma moldeira individualizada que cobrirá somente a superfície dental, evitando, assim, que o agente clareador tenha contato direto e contínuo com a gengiva. Qualquer lesão e sensibilidade devem ser imediatamente comunicadas ao dentista. No caso do clareamento de consultório com LASER, é colocado proteção nas gengivas para que não ocorra danos.

07) O dente clareado é prejudicado?

Não. A estrutura dental não é afetada.

08) O Clareamento Dental provoca sensibilidade nos dentes?

O Clareamento Dental pode provocar alguma sensibilidade nos dentes durante o tratamento. Porém esta sensibilidade é reversível e desaparece com o final do tratamento. Para minimizar o problema podem ser indicados bochechos com soluções fluoretadas.

09) O clareamento altera as restaurações e próteses já existentes?

Não. Mas o paciente precisa saber que caso essas restaurações e próteses antigas sejam anteriores elas provavelmente necessitarão ser trocadas: uma vez que estas não sofrem ação dos clareadores, parecerão mais escuras frente aos dentes clareados, causando desarmonia estética.

10) Posso fazer clareamento em qualquer idade?

O clareamento dental pode ser feito assim que a dentição permanente e a rizogênese estejam completas. Isso ocorre entre 15 - 16 anos.

11) O dente clareado pode voltar a escurecer?

Sim. Mas nunca como era antes. Depois de 1 ou 2 anos, pode haver a necessidade de uma manutenção, que é feita em 4 a 5 noites pelo sistema caseiro ou de 1 a 2 sessões pelo sistema à laser.

12) Existem contra-indicações para o tratamento clareador?

Embora o ingrediente ativo do gel branqueador seja um agente não tóxico e não alérgico, o tratamento clareador não tem, é claro, aplicação universal. Há algumas contra-indicações: pessoas com a saúde debilitada, pacientes em atividade de cárie, gengivite, doença periodontal, cirurgia gengival recente, presença de reabsorção radicular, pacientes hipersensíveis e pacientes alérgicos ao produto, não devem se submeter ao tratamento. Também é contra indicado o tratamento em gestantes e lactantes.

13) Quais as recomendações e cuidados durante o tratamento clareador?

- Não fumar durante o clareamento, ou no caso de clareamento a laser no dia do tratamento.
- Não comer frutas ácidas ou refrigerantes
- Durante o tratamento não ingerir nada que contenha corantes. Ex.: café preto, coca-cola, beterraba, suco de uva, vinho tinto, etc.
- Fazer bochechos com flúor, caso haja sensibilidade.

© Odonto Center Assistence - Todos os direitos reservados.
+54 3055.2267
Info